Skip links

Confira dicas de como vender plano funerário para aplicar imediatamente

Este é um produto que precisa de muito cuidado antes de ser oferecido para o cliente. Saber como vender plano funerário ajuda a evitar situações constrangedoras e difíceis.

É preciso contar com técnicas, desde o momento de atrair potenciais clientes. O mais importante é mostrar os benefícios que os segurados vão ter não somente após a morte, mas também em vida.

Nova call to action

7 dicas de como vender planos funerários

Chamar a atenção do cliente com um marketing de atração, mostrar as vantagens de adquirir seu produto e, por fim, fazer o fechamento. Essas são as etapas de qualquer venda.

Mas é importante entender que existem uma série de fatores que vão compor uma boa oferta para você conseguir fechar vários contratos.

1. Organize os planos em diferentes ofertas

O público desse tipo de segmento é muito amplo. Portanto, cada faixa etária tem uma maneira diferente de perceber a vida. Uns vão se preocupar com o dia do falecimento, outros nem vão pensar no assunto.

Sendo assim, os planos devem ser apresentados de acordo com o ponto de vista de cada perfil de cliente. Seja bem assertivo para que os benefícios do plano alcancem as necessidades de cada um. 

Alguns perfis vão preferir os serviços básicos de sepultamento e de baixo valor. Contudo, outros clientes vão querer aderir ao serviço de cremação. 

Deixe claro para o cliente que os planos são montados de forma personalizada e oferecem economia e comodidade nesse momento previsível da vida.

2. Invista em marketing digital

Usar diferentes ferramentas de marketing digital ajuda a alcançar diferentes públicos. Você pode utilizar as redes sociais, e-mail marketing, site de e-commerce, anúncios pagos no Google e no Facebook e muito mais para atrair seu público.

Antes de qualquer coisa, defina uma segmentação e alinhe quais são as personas a serem alcançadas. É muito importante fazer esse estudo para que a sua empresa não faça uma mera “panfletagem” online. Entenda que cada persona tem uma linguagem e interesses distintos. Portanto, comportamento e necessidades diferentes. 

Saber disso facilita a comunicação e, sem dúvida, otimizam os resultados.

3. Tenha um plano de gestão financeiro

Um dos primeiros pilares para um negócio é ter uma gestão financeira organizada. Assim, é possível ver quanto pode ser gasto no marketing e qual o teto máximo para descontos. 

Para ter sucesso nas vendas, negociar é fundamental. Então, veja as possibilidades de parcelamento no cartão e o quanto isso implica no lucro da empresa. Uma balança equilibrada evita prejuízo ao longo do tempo.

4. Faça treinamentos para humanizar o atendimento

Lidar com situações de dor é sempre muito delicado. Nesse momento, o cliente que está sendo atendido precisa de acolhimento para resolver os trâmites do sepultamento. Por outro lado, temos o possível contratante que tem seus receios e precisa ser convencido de que o plano é benéfico.

Em ambos os casos, o atendimento humanizado vai fazer toda a diferença para dar mais segurança ao cliente. Sobretudo, o cliente precisa ver que suas necessidades estão em primeiro lugar. Ou seja, não é suficiente abrir o computador e mostrar os valores de cada cobertura do plano. 

O que o consultor de plano funerário precisa é ter foco no cliente para depois adequar o plano às suas necessidades.

5. Faça a validação dos seus planos em um ambiente de teste

Aproveitar as diferentes formas de divulgar o seu plano funerário, é uma oportunidade para alcançar diversos tipos de clientes. Por isso, um e-commerce pode ser capaz de atender a demanda de quem faz compras online. 

Mas, antes de colocar o site no ar, esteja atento ao funcionamento da plataforma. Veja se está bem explicativa e se todos os menus estão funcionando. 

O ideal é pedir para toda a operação acessar o site como se fosse o próprio usuário. Quanto mais fácil for a acessibilidade, o site terá menos chances de abandono. 

6. Elabore planos para trabalhar a inadimplência dos clientes

Uma deficiência que as empresas que vendem planos funerários costumam ter é a inadimplência. Isso acontece pelo fato do segurado não ver benefícios a serem desfrutados em vida. A inadimplência acaba sendo recorrente e prejudica o balanço financeiro da empresa. 

A melhor maneira de evitar esse tipo de comportamento é por meio de um contato direto. Por exemplo, os clientes que deixam o vencimento em aberto por mais de 10 dias, já devem ser contactados via SMS ou WhatsApp. 

Caso a inadimplência persista, tente o contato telefônico. Em último caso, uma visita pessoal pode ser agendada. Essa é uma oportunidade de ouvir o cliente  para quebrar suas objeções em relação ao plano.

De repente, uma conversa que reforce ainda mais os benefícios do produto, pode ser suficiente para evitar um possível cancelamento. 

7. Invista em alternativas para fidelizar clientes

Muitas empresas, principalmente as que oferecem planos de assinatura, viram que existem maneiras de fortalecer o seu negócio. 

Como um plano de assinatura não garante o cliente por muito tempo na empresa, algumas estratégias podem ser aplicadas. Uma forma eficiente é ter um clube de vantagens

Investir em um relacionamento contínuo é fundamental para ter seu cliente consumindo seus produtos por muito mais tempo. E o clube de vantagens é uma estratégia de fidelização que vai apresentar benefícios exclusivos para os seus clientes.

Essa é uma alternativa para que o cliente de plano funerário enxergue mais valor no seu produto. Por meio do clube de vantagens, ele consegue ter benefícios em vida como descontos em redes parceiras.

Gostou das dicas que preparamos para garantir o sucesso de vendas do seu plano funerário? Manter o interesse do cliente ajuda no envolvimento e relacionamento, e essa é uma das várias estratégias para fidelizá-lo. Aproveite a visita e confira nosso conteúdo sobre fidelização de clientes!

Utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você aceita a política de monitoramento de cookies.