Skip links
Estratégias de marketing de relacionamento: 7 para conhecer

Conheça 7 estratégias de marketing de relacionamento para começar a aplicar

As marcas humanizadas estão ganhando cada vez mais espaço na vida do consumidor, que desejam relações sustentáveis com as empresas. A disputa pela atenção deles é acirrada, por isso as estratégias de Marketing de Relacionamento são fundamentais. 

As estratégias que vamos ensinar são capazes de criar e manter um relacionamento próximo e duradouro entre empresa e clientes. Envolvendo ações de encantamento desse público, com o foco na fidelização.
Nova call to action

7 estratégias de marketing de relacionamento para aplicar na empresa

As estratégias de marketing de relacionamento se diferenciam na forma como a empresa realiza suas ações, pois o foco principal está na elaboração de um laço próximo com os clientes, visando aumentar seu engajamento. 

Separamos as 7 principais para serem aplicadas na sua empresa imediatamente. Elas contemplam diferentes áreas, do atendimento ao marketing. 

1. Modelo omnichannel

Essa é uma ferramenta dentro do Marketing de Relacionamento que facilita muito a experiência do usuário, pois a finalidade principal dela é manter interligados os canais da empresa, tanto on quanto off-line, proporcionando o máximo de comodidade. 

Por exemplo, o consumidor pode estar em uma loja física de roupas e pesquisar no aplicativo da própria loja um tamanho ou modelo diferente da peça que precisa. Feito isso, a opção é totalmente dele sobre a finalização da compra, que pode ser no próprio aplicativo ou com um vendedor, após tirar suas dúvidas sobre a peça. 

2. E-mail marketing

Ao contrário do que muitos pensam, o e-mail ainda está vivíssimo e é um ótimo recurso para manter a comunicação com a sua base de clientes. 

É fundamental criar diferentes segmentações, a fim de elaborar uma abordagem personalizada do grupo de pessoas que você quer dialogar.  

A partir disso, o e-mail deve manter um fluxo constante, abordando temas como: promoções, produtos com diferencial, programas de fidelização; relevância por meio de textos educativos, que ajudem o consumidor e tomar decisão na hora da compra; parabenizar em datas comemorativas; pesquisa de satisfação, entre outros. 

3. Personalização de atendimento por segmentação de clientes

Falando em segmentação, ela é uma ótima ferramenta dentro do Marketing de Relacionamento para marcas estabelecerem um foco claro para prospecção, personalizando o conteúdo que será enviado.

Esses consumidores são divididos em grupos que compartilham uma ou mais características ou traços mais marcantes. Essas informações são usadas pela equipe de vendas da empresa para oferecer um atendimento mais assertivo, otimizando assim o trabalho e os resultados.

4. Ações de incentivo de retorno

Quanto melhor conhecer sua persona, melhores estratégias podem ser implementadas para permanência do consumidor. Pesquisas revelam que o cliente que mantém um relacionamento próximo com a empresa é 52% mais valioso do que aquele que se diz altamente satisfeito.

Aplicar um programa com ações de incentivo, visando a fidelidade, é uma ótima estratégia de Marketing de Relacionamento, pois encoraja seus clientes a comprar com maior frequência e gastar mais em cada transação. Esse gasto pode retornar como desconto, serviços promocionais, acesso vip, etc. 

5. Monitoramento de métricas de qualidade

Para cada tipo de ação escolhida existem métricas que devem ser monitoradas. Para uma empresa de varejo, por exemplo, o e-mail marketing pode ser enviado diariamente com ofertas e preços para o cliente que quer estar atualizado sobre isso. 

Uma plataforma que possa monitorar a taxa de abertura dos e-mails e compras dos produtos ofertados é a ferramenta que auxiliará para classificar o sucesso dessa ação. 

Dessa maneira, monitorar os resultados periodicamente ajudará a saber quais são as melhores abordagens para seu público. E também para saber se as melhores continuam trazendo os resultados esperados, visto que com o tempo, as coisas mudam.

6. Criação de clube de vantagens personalizado

Todo cliente gosta de ter a sensação de que o produto ou serviço ofertado foi pensado na satisfação dele. Criando um clube de vantagens para ampliar a base de clientes e fidelizá-los, é necessário oferecer benefícios reais que condizem com as características do consumidor.  

Ao criar um clube de vantagens próprio e personalizado, a empresa pode oferecer mais do que vendas e descontos ao consumidor, mas também uma jornada de experiência, a qual ele terá apenas se fizer parte do clube. 

7. Plano de fidelização de clientes

Os programas de fidelização são grandes incentivadores do relacionamento com os clientes. Existem diferentes formatos para oferecer um programa exclusivo para os consumidores, podendo adaptar para a realidade da sua empresa.

Faça uma boa análise da sua persona para saber que tipo de oferta sua empresa pode fazer para chamar a atenção dela. Trace também um planejamento para que a empresa tenha lucros interessantes com essa ação. 

A ideia é a criação de um ciclo, que pode manter o relacionamento por muitos anos com um bom plano de fidelização de clientes.

Para que serve o Marketing de Relacionamento?

Como o próprio termo diz, o marketing de relacionamento serve para criar uma interação mais próxima entre marca e consumidor, estabelecendo um vínculo duradouro, tornando o cliente um verdadeiro fã da empresa.

Porém, como um relacionamento amoroso, essa relação também precisa ser construída e nutrida de forma constante para que não termine e, principalmente, termine de forma que o cliente fale mal da sua empresa.

Pode parecer um desafio, mas ao investir tempo e recursos para não perder o cliente, tem sido atualmente uma peça-chave, para que a sua empresa cresça e se mantenha no mercado. 

Por que é importante manter o relacionamento?

Mesmo sendo uma teoria relativamente nova, consolidada nos anos 80, pelo professor americano Leonard L. Berry depois de um longo estudo, a importância de ter a proximidade com o cliente já vem desde muito antes.

Na década de 50, período pós-guerra, com a população tendo menos recursos financeiros, as empresas perceberam que vender, mesmo que fossem os melhores produtos ou serviços, já não era o bastante.

Mas, sim, o mais importante era conquistar o cliente e manter com ele, uma relação de confiança, para que fosse duradoura. Assim, os desejos e necessidades do consumidor passaram a ser mais importantes que a venda em si.

Já falando dos dias de hoje, com o mundo cada vez mais globalizado e digital, se o cliente não possui um relacionamento com a sua marca, ele não pensará duas vezes antes de partir para o concorrente com apenas um clique.

Logo, o diferencial entre o seu produto e o do concorrente passou a ser a experiência que o consumidor tem com a marca.

Quais os benefícios de utilizar o Marketing de relacionamento?

Aumentar o LTV

Essa métrica nada mais é que o retorno financeiro proporcionado pelo cliente durante todo o tempo que ele foi cliente.

Ao apostar no marketing de relacionamento, o cliente irá adquirir seu produto confiando de que ele irá atender suas necessidades imediatas, pois já efetuou compras anteriores, conhecendo a empresa e confiando na qualidade de seus produtos. 

Assim, ele paga até mais caro no seu produto, deixando o concorrente de lado, podendo resultar de 25% a 95% no crescimento nas vendas, segundo uma pesquisa da consultoria Bain & Company.

Redução nos gastos com marketing e anúncios

Lembra quando citamos que o marketing de relacionamento torna o cliente um verdadeiro fã da marca?

Logo, ele irá falar bem da sua empresa para amigos, familiares, colegas de serviço e até mesmo nas redes sociais.

Assim, sua empresa não precisará investir tanto em anúncios pagos e em outras estratégias de marketing, pois a melhor divulgação já está sendo feita pelo seu consumidor.

Ainda, por meio do marketing boca a boca, a marca se aproxima dos consumidores, adquirindo feedbacks extremamente construtivos que podem, inclusive, influenciar novas estratégias e ações de melhorias. 

Maior alinhamento da comunicação em torno de cliente

Seja por meio do marketing boca a boca ou pelos canais de comunicação que a sua empresa oferece, a marca se aproxima dos consumidores, adquirindo feedbacks extremamente construtivos que podem, inclusive, influenciar novas estratégias e ações de melhorias. 

Ainda, quando o cliente tem facilidade de comunicação com o seu negócio, você tem mais chances de criar um relacionamento forte e duradouro.

Afinal, uma das principais situações que faz com que o consumidor abandone uma empresa é não ser atendido e respondido com agilidade e empatia.

Vale a pena investir no Marketing de Relacionamento?

Com certeza a resposta é “sim”!

Conhecer o seu cliente por meio de uma relação mais próxima é um fator fundamental para que seu produto ou serviço tenha sucesso. Afinal, o comportamento do consumidor está cada vez mais exigente, fazendo com que o mesmo valorize atendimentos de forma dedicada e personalizada.

Para que isso ocorra, o marketing de relacionamento proporciona as ferramentas fazendo com que sua marca busque melhorias constantes para criar autoridade no mercado.

Assim, seus clientes se sentirão únicos e satisfeitos por meio de um relacionamento personalizado, criando um laço duradouro de troca.

O marketing de relacionamento, em um momento de instabilidade financeira, como o que vivemos hoje, se torna ainda mais importante.

Estudos indicam que pode custar 5 vezes mais atrair clientes do que reter os que já consomem a sua marca

Considerando esse momento, criar uma conexão mais profunda entre marca e cliente se torna fundamental. 

Qual o objetivo do marketing de relacionamento?‍

O objetivo do marketing de relacionamento é colocar o cliente no centro das atenções.

Ou seja, é necessário que exista essa cultura de “cliente first” no ambiente organizacional para que ela passe por todos os setores da empresa: financeiro, administrativo, marketing, vendas, atendimento, produção, dentre outros. Assim, o marketing de relacionamento se torna uma excelente estratégia para uma  relação duradoura com o cliente baseada em confiança, colaboração e parceria, resultando nos melhores resultados para a empresa e a satisfação dos clientes.

Depois de apresentar essas 7 estratégias do Marketing de Relacionamento, vale a pena ressaltar que esse conceito é mais do que uma forma de prospectar vendas: é criar e manter um relacionamento, no qual a empresa mostra que é possível ter sempre um “algo a mais” para aquele consumidor que continua fiel e presente na comunidade.

Se além das estratégias você precisa conhecer mais sobre esse conceito, aproveite a visita para conferir nosso conteúdo exclusivo sobre marketing de relacionamento.

Utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você aceita a política de monitoramento de cookies.