Skip links
Comunicação Corporativa

A importância da comunicação corporativa na estratégia de posicionamento da marca

A comunicação corporativa desenvolve uma estratégia de posicionamento de marca eficiente e coesa, com implantação de processos contínuos para melhores práticas empresariais. 

A gestão e a integração da comunicação são essenciais para posicionar sua marca entre os principais players do mercado. Impactar os seus stakeholders de maneira eficiente, empática e transparente evidencia e valoriza sua presença, evita ruídos de comunicação e aumenta a lealdade do público à sua marca.

A comunicação corporativa engloba conhecer os ambientes internos e externos do negócio para identificar oportunidades e propor ações de comunicação que possam fortalecer identidade, imagem e credibilidade da empresa. 

Nova call to action

O que é a Comunicação Corporativa e qual a sua função?

A comunicação corporativa pode ser definida como o conjunto de estratégias e ações que envolvem o gerenciamento de toda a comunicação empresarial, tanto interna quanto externamente. 

Podemos resumi-la como toda comunicação, planejada e integrada, entre sua marca e seus stakeholders — 0indivíduos e organizações que são impactados por sua empresa, como: clientes, colaboradores, parceiros, fornecedores, investidores, entre outros. 

A comunicação corporativa visa transmitir com clareza a identidade da marca para todas as pessoas que se conectam com ela de diferentes maneiras e por canais distintos.

Comunicação corporativa Interna e Externa

Muitas vezes temos a impressão de que a comunicação empresarial ocorre apenas de dentro da organização para fora: a empresa comunica aos consumidores e públicos externos. Simples assim, né?

Não, calma lá. Além de o inverso também ser verdadeiro, ou seja, os públicos externos também comunicam com a empresa, existe um outro ponto importante: a comunicação interna. 

As pessoas que trabalham para sua marca são responsáveis pelos processos e resultados. Os seus colaboradores, além de estarem mais próximos e garantirem o funcionamento da organização, são potenciais clientes e promotores da sua marca. 

A visão deles em relação à empresa para a qual trabalham produz reflexos lá fora. Já parou pra pensar sobre isso? 

Neste aspecto, a comunicação corporativa também precisa ser convergente. Ou seja, cada setor pode e deve contribuir para ampliar os conhecimentos. Valorizar as pessoas que participam das falhas e sucessos pode ser decisivo nas avaliações e análises da empresa e na proposição de soluções assertivas e eficientes. 

A divisão entre comunicação interna e externa existe não só porque elas possuem particularidades, mas também para facilitar a identificação e execução das ações necessárias para que a comunicação como um todo funcione. 

Por isso, alinhar comunicação interna e externa e fazer com que elas sintonizem com o seu propósito faz toda diferença em sua visibilidade e credibilidade.

Por que trabalhar a comunicação empresarial?

Investir em estratégia de comunicação corporativa sempre foi importante para melhorar a eficiência de uma empresa. Agora que vivemos em um mundo globalmente conectado e dinâmico, os benefícios são ainda mais proveitosos.

Quer conhecer alguns deles? Vem com a gente!

Fortalecer a marca

A comunicação corporativa auxilia nas estratégias de gestão da marca (branding), tornando seus propósito, missão, valores e posicionamento visíveis e claros para todas as pessoas que são impactadas por ela. 

Essa voz unificada e transparente gera confiança e constrói uma imagem positiva da empresa, criando sentimento de pertencimento e participação.

Evitar ruídos de comunicação

Quando você comunica de forma clara, coesa e transparente a todos os seus stakeholders, você evita fofocas e especulações, internas ou externas, que podem prejudicar a imagem da empresa. 

Abrir canais de comunicação para esclarecer dúvidas, receber reclamações –  e resolvê-las – e pedir sugestões é importante para compreender acertos e falhas e aprimorar os processos. Lembre-se de que o feedback direto e prático é extremamente construtivo e benéfico. 

Reforçar a identidade e a cultura organizacional

A comunicação corporativa também busca valorizar os profissionais de todas as áreas da sua empresa. 

Portanto, além de melhorar o clima e criar um ambiente de trabalho tranquilo e agradável, essa valorização é traduzida em engajamento e aumento da produtividade. 

Sentir-se reconhecido e acolhido pela empresa desperta conexões afetivas com ela e a vontade de continuar fazendo parte essencial para alcançar os objetivos e metas do grupo. 

Prevenção e resolução de crises

Uma estratégia de comunicação corporativa é abrangente e empática. Por isso, ela compreende contexto, mercado e públicos – internos e externos – e trabalha propósito e posicionamento da empresa com clareza.  

Sendo assim, ela possibilita antecipar questões, situações ou reverberações que tangenciam sua empresa e permite reagir de maneira rápida, resolutiva e eficaz diante de imprevistos ou mudanças bruscas. 

Como melhorar a comunicação corporativa na prática?

Para tornar sua estratégia de comunicação corporativa eficiente e aplicá-la em todos os aspectos de sua organização, separamos alguns pontos que não podem faltar no seu planejamento. Vamos lá?

Por que sua marca existe?

O primeiro passo é pensar no seu propósito. Por que sua empresa existe?  Por que você faz o que faz?

Esta ideia é do autor Simon Sinek, que descobriu em seu estudo que as empresas sabem facilmente o que vendem e como fazem o que vendem, mas nem sempre elas sabem o porquê. E é justamente o propósito que encanta as pessoas e proporciona engajamento com a marca.  

Defina suas personas

As personas são representações fictícias dos stakeholders de um negócio. Ela se baseia em dados reais sobre comportamentos, características e personalidade: motivações, objetivos, desafios, entre outros. 

Por isso, é importante que você encontre todos os perfis com os quais se conecta, para criar abordagens específicas e gerar identificação e encantamento. 

Escolha os canais de comunicação

Os canais de comunicação são os meios pelos quais você irá transmitir suas mensagens. Alguns exemplos: e-mail, SMS, Telegram, Facebook, Instagram, Whatsapp, revistas, PDVs (Pontos de Venda), televisão e rádio.

Você precisa atingir as pessoas com as quais quer se conectar, certo? Por isso, conhecer os canais de comunicação em que elas se encontram é essencial.

Encontre seu tom de voz

Toda marca tem uma voz e ela se conecta com o seu propósito. Mas é importante entender o seu tom, que tem relação com quem recebe a mensagem. 

Compreender as personas também possibilita compreender a linguagem mais adequada para estabelecer uma conversa, um diálogo.

Metinhas, metas e metonas

Primeira coisa: suas metas precisam ser mensuráveis. “Quero ser reconhecido pelo público” não é uma meta objetiva. Afinal, o que seria este reconhecimento pra você? Quando você decidir isso, aí sim vai conseguir estipular suas metas palpáveis. Se ser reconhecido significa aumentar vendas, então, você precisa estipular quanto quer aumentar em determinado período e quais as ações para alcançar esta meta.

E aí entra outro ponto importante: faça metas para curto, médio e longo prazo. Divida suas metas em frações, em degraus, para que você vá subindo aos poucos. Acredite, superar as “metinhas” é inspirador e motivacional. 

Atendimento Omnichannel

O atendimento omnichannel é aquele em que os canais são unificados, ágeis e priorizam a experiência do cliente. 

A unificação aqui significa conexão das informações de forma que os canais possam se complementar e participar do relacionamento com o cliente, proporcionando uma experiência completa e satisfatória em qualquer ponto de contato, físico ou online. 

Foque na experiência

Focar na experiência dos stakeholders significa planejar ações de maneira empática. Se colocar no lugar das outras pessoas traz insights preciosos e inovações poderosas. Como eles gostariam de ser impactados? O que eles gostam? O que valorizam?

A empatia permite que a sua mensagem se torne, inclusive, a própria experiência e esta conexão afetiva tem espaço privilegiado na memória do consumidor. 

Análise e monitoramento constantes

Por fim, de nada adianta todas as estratégias se você não acompanhar os resultados e monitorar as ações. Os planos foram efetivos? Quais os pontos de falhas? Alcançamos as metas?

A análise e monitoramento constantes são primordiais para que as ações sejam mais assertivas, atualizadas e potentes. Modelos testados não são garantia. Primeiro porque há coisas que funcionam pra uns e não pra outros. Segundo, porque precisamos nos adaptar e reinventar para acompanhar todas as mudanças. 

A comunicação corporativa se torna um artifício para a retenção de clientes. Um artifício estratégico para o encantamento dos consumidores e fidelização.

Aproveite a sua visita para aprender mais sobre a importância do controle da taxa de cancelamento de contratos, com nosso conteúdo sobre churn rate.

Utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar sua experiência em nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você aceita a política de monitoramento de cookies.